Se você procura uma casa de apostas confiável no Brasil para apostas esportivas e cassinos online, a Mostbet é a escolha certa. As apostas desportivas na Mostbet significam probabilidades altas, vários bónus e promoções, bem como apostas grátis e rodadas grátis. E para não perder um único momento do jogo, baixe nosso prático aplicativo mobile!

10 anos sem García Márquez: relembre 5 obras do Nobel de Literatura

O autor colombiano, vencedor do Nobel de Literatura de 1982, teve um romance póstumo publicado em 2024, ano em que completa uma década de seu falecimento

Há exatamente 10 anos, no dia 17 de abril de 2014, o mundo se despedia de um dos maiores autores do séculoGabriel García Márquez, colombiano, vencedor do Nobel de Literatura em 1982, se consolidou como um dos nomes mais potentes da literatura, mas suas obras são recordadas até os dias de hoje.

Nascido em 1927 na Colômbia, “Gabo” (apelido do autor) tinha um estilo próprio de escrita e foi um importante nome para dar surgimento ao gênero “realismo mágico”: uma combinação de elementos da realidade com toques fantasiosos, que inspirou inclusive autores brasileiros, como Socorro Acioli, vencedora do prêmio Jabuti.

A história de vida de García Márquez e as que ele contou em seus livros se entrelaçam muitas vezes, isso porque o autor se baseava em traços do seu cotidiano para dar vida às suas obras. A seguir, conheça cinco romances do Gabo para colocar na sua lista de leituras:

Cem Anos de Solidão (1967)

Cem Anos de Solidão
(Divulgação/CASACOR)

Um clássico da literatura, esse romance narra a história de várias gerações da família Buendía, na cidade de Macondo, conhecida por ser um lugar mítico e misterioso, que elucida o realismo mágico marca registrada da escrita de Gabo. Quinze anos após a publicação, foi essa obra uma das principais responsáveis por garantir o Nobel de Literatura ao autor.

O Amor nos Tempos do Cólera (1985)

O Amor Nos Tempos do Cólera
(Divulgação/CASACOR)

Inspirado na história de amor dos seus pais, Gabo conta sobre o violinista Gabriel García que se apaixonou por Luiza Márquez – um amor proibido pelo pai da jovem, que para tentar impedir o casal de ficar junto e se casar, manda a mocinha passar um ano no interior.

Para driblar as ordens do “sogro”, García cria uma rede de comunicação para alcançar Luiza onde quer que ela estivesse.

Do Amor e Outros Demônios (1994)

Livro Do Amor E Outros Demônios García Márquez
(Divulgação/CASACOR)

Ao ser designado para um trabalho para acompanhar a remoção de criptas funerárias de uma capela que seria transformada em hotel, García Márquez se deparou com o túmulo de uma menina, que o fez lembrar de uma lenda contada por sua avó sobre uma jovem de cabelos longos milagrosa, que foi morta pela mordida de um cachorro com raiva.

Inspirado nisso, ele conta a história da pequena marquesa que foi criada em convívio de escravos e sofre ao ser, supostamente, “possuída” por demônios. Há também uma história de amor em meio a todo esse caos, cheia de mistério e feitiçaria.

Notícia de um Sequestro (1996)

Livro Notícias de Um Sequestro
(Divulgação/CASACOR)

Inspirado nos sequestros ocorridos na Colômbia na década de 1990, García Márquez escreveu esse livro-reportagem narrando um tema polêmico e que movimentou o país na época, quando Pablo Escobar, conhecido como o “rei do narcotráfico” sequestrou vários jornalistas como uma forma de se rebelar contra o poder público e a comunidade internacional.

Antes de escrever, o autor fez uma extensa pesquisa e também uma série de entrevistas com pessoas envolvidas nos sequestros e mostra um lado da guerra contra o tráfico mais humano e cheio de ação.

Em Agosto Nos Vemos (2024)

Em Agosto Nos Vemos
(Divulgação/CASACOR)

Primeiro romance póstumo do autor, publicado esse ano pelos filhos do autor (Rodrigo e Gonzalo García), Em Agosto Nos Vemos foi uma obra inacabada do escritor que ele trabalhou em seus últimos anos de vida, antes de começar a sofrer de demência, o que prejudicou muito sua memória.

A história é sobre uma mulher que todo mês de agosto visita o túmulo de sua mãe para levar flores e se hospeda em um hotel próximo. Em uma das idas, ela conhece um homem no bar que a faz esquecer seu relacionamento e filhos, e se entregar a uma paixão momentânea e com data marcada: sempre em agosto.

FONTE: CASACOR/ABRIL

Filtro Categorias

Artigos relacionados

PNLD vai passar a atender também bibliotecas públicas e comunitárias

PNLD vai passar a atender também bibliotecas públicas e comunitárias

Felipe Neto lançará livro pela Companhia das Letras

Felipe Neto lançará livro pela Companhia das Letras

Alice Munro, prêmio Nobel de literatura, morre aos 92 anos

Alice Munro, prêmio Nobel de literatura, morre aos 92 anos

Venda de livros sobe pela primeira vez desde junho de 2023; faturamento do setor cresce 15,95%

Venda de livros sobe pela primeira vez desde junho de 2023; faturamento do setor cresce 15,95%

Companhia das Letras inaugura centro de distribuição para atender oito estados da região Nordeste

Companhia das Letras inaugura centro de distribuição para atender oito estados da região Nordeste

Amazon Brasil abre inscrições para 9ª edição do Prêmio Kindle de Literatura

Amazon Brasil abre inscrições para 9ª edição do Prêmio Kindle de Literatura